A empresa Frandolozo Engenharia e Construções, com sede em Soledade, está executando as obras do Terminal Graneleiro Nidera, em Canoas. O empreendimento, localizado as margens da Rodovia do Parque, na BR 448, será especializado no transporte hidroviário e armazenamento de grãos, mais especificamente soja e trigo.

O investimento é da empresa Holendesa/Chinesa Nidera, que está ampliando suas atividades no Rio Grande do Sul. Com o empreendimento em operação, as cargas de granéis serão transportadas até o Porto de Rio Grande por barcaças. Com isso, estima-se que cerca de 400 caminhões por dia deixarão de fazer parte do trecho das estradas que ligam os polos produtores até Rio Grande, fazendo uso das hidrovias.

A empresa soledadense já iniciou com as obras preliminares, onde vai realizar a construção dos prédios administrativo, escritório balança, portaria, apoio aos motoristas, coletor de amostras, refeitório e área de lazer.

O projeto ainda compreende um cais de atracação com 185m junto as margens do rio dos Sinos, que contará com dois berços de atracação, além de moega, silos de armazenagem e estacionamento. O investimento total no Terminal Graneleiro Nidera será de R$ 70 milhões e a previsão é que as obras civis estejam concluídas em dois anos.

De acordo com o engenheiro civil Glauber Frandolozo, a área total do terreno possui aproximadamente 141 mil metros quadrados, com previsão de instalação da infraestrutura em uma área útil de 14.168,50m².

Ele salienta que trabalharam na elaboração de todos os projetos do empreendimento. “Agora nós vamos executar as obras das edificações, que englobam cerca de 5.800m² de área construída. Também estamos em fase de negociação para fazer a construção do cais”, observa.

Glauber lembra que a partir de 2017 a Frandolozo Engenharia e Construção também terá um escritório em Porto Alegre, na Av. Nilo Peçanha, 1851, sala 306, no bairro Três Figueiras. Em Soledade, o escritório está localizado na Rua Coronel Falkembach, 678, sala 201, no centro.